Imagem capa - FOTOGRAFANDO EVENTOS EM VIAGENS por Bravo! Fotografia
Viagens

FOTOGRAFANDO EVENTOS EM VIAGENS

Algumas dicas básicas. 

Participar de eventos e festivais durante uma viagem de férias pode render fotos incríveis e uma narrativa consistente e muito particular sobre um determinado tema.


Ao longo de nossas viagens tivemos a “sorte” de ter tido esse tipo de experiência. Digo “sorte” porque como tínhamos períodos muito bem definidos de férias o que fazíamos era pesquisar na Internet se em nosso destino de férias haveria algum evento ou festividade que pudéssemos participar e nos programávamos para isso (Fiesta de las Flores, Medellín 2008). Em outros casos foi mesmo por pura sorte descobrir alguma festa no local para onde estávamos nos dirigindo. Foi assim em Braga, Portugal quando a cidade estava celebrando sua fundação romana (ocorrida em 16 a.C.). Mesmo que você não viaje e permaneça em sua cidade, vale a pena levar a câmera para as festas locais (como fizemos este ano durante o Imin Matsuri, Festival da Cultura Japonesa ocorrido em Curitiba).


De qualquer forma, se você vai sair de férias deixamos aqui algumas dicas para fotografar eventos populares:


Pesquise na Internet se o destino para onde você vai possui algum evento ou festividade na data escolhida e reserve hotel com antecedência (normalmente a procura por hospedagem aumenta nesses momentos e melhor garantir seu lugar na festa).


Também na Internet, pesquise sobre o evento: sua história, fotos e etc. Isso te dará uma ideia do que você irá encontrar em sua sessão de fotos.


Equipamento: leve apenas o necessário para o evento. Lembre-se que você precisará se movimentar e circular no meio da festividade. Manter consigo apenas o necessário facilitará sua vida, deixará sua movimentação mais ágil e facilitará a proteção do equipamento.


Lembre-se de levar cartões de memória e baterias extras. Já pensou ficar sem fotografar porque o cartão apresentou problemas, foi insuficiente ou porque a bateria acabou no meio do evento?


Não leve um equipamento com o qual você não está familiarizado. Se comprou uma nova câmera, um novo celular ou uma lente bacana teste-os antes de levar na viagem. A pior coisa é ver um monte de coisas interessantes ocorrendo à sua volta e você estar todo atrapalhado para manusear um equipamento que você ainda não domina.


Cheque e limpe seu equipamento antes de viajar. Câmeras, cartões, baterias, flashes, etc. A boa manutenção garantirá que você não tire fotos com lentes sujas, descubra que seu flash não funciona a contento ou que alguma função da sua câmera está com problemas.


No evento. Chegue cedo e fique mais tempo. Chegando cedo você poderá se posicionar melhor, escolhendo bons lugares para fotografar e ter a chance de fotografar detalhes da festa. Segundo você poderá fotografar os bastidores do evento e sua evolução à medida que mais pessoas vão chegando. Poderá fazer close-ups do público ou de um expectador em particular, ir captando a energia e reação do público à medida que a festividade ganha corpo. Ficando um pouco até mais tarde poderá ter a chance de fotografar o término das festividades, o que normalmente rende fotos interessantes do público e dos participantes do evento.


Para escolha dos pontos “onde estar” durante o evento um bom aplicativo é o Posição do Sol da Stonekick (uso gratuito). Sabendo a posição do sol ao longo doa dia, você poderá chegar antes nos pontos ideais para aproveitar a melhor luz natural possível para suas fotos.


Ao voltar para o hotel. Salve suas imagens no seu laptop, na nuvem e em um HD externo e limpe seus cartões. Cartões podem ser perdidos, podem ser roubados (junto com o equipamento) e você terá perdido todas as suas fotos. Um equipamento pode ser comprado novamente, um momento vivenciado e registrado em uma fotografia não. Além disso você precisará de cartões com memória livre para novas fotos no dia seguinte!


Há muitas dicas sobre cuidados com equipamentos e tipos de equipamentos quando o assunto é fotografia de viagem, mas isso renderia um livro. E por falar em livros, há uma vasta literatura sobre o assunto, mas recomendamos “Fotografia de Viagem – Guia de Campo” de Michael Freeman (um dos grandes nomes do segmento): ele é pequeno, leve, prático, conciso e muito interessante.




Texto originalmente publicado no blog Segundo Verão: https://segundoveraoblog.wixsite.com/segundoveraoblog/post/dicas-b%C3%A1sicas-para-fotografar-eventos-e-festividades